2010-04-09

Chegou! Digital Photographer Brasil

Novidade no mundo fotográfico! Na semana que vem chega às bancas a nova revista de fotografia publicada pela editora Digerati:



É a edição nacional da Digital Photographer, a conceituada revista britânica voltada para amadores, entusiastas e profissionais. Não é simplesmente uma revista traduzida: é uma revista reinventada no Brasil, com material local exclusivo.

Algumas amostras de páginas internas, para mostrar que a coisa vai ser boa:

















São 100 páginas com portfólios inspiradores, notícias, tutoriais de Photoshop, dicas de fotografia, aulas completas e testes de câmeras!

A revista chega às bancas até o final da semana que vem, quando também entrará no ar o respectivo website, onde qualquer visitante poderá postar suas fotos candidatas a entrarem na seção Suas Imagens da revista.

Nesta terça-feira tem a festinha de lançamento:



Leve a sua câmera!

18 comentários:

  1. Maldito... agora que eu sei, vou querer.

    ResponderExcluir
  2. ótima ideia, fotografia com cérebro por aqui.

    ResponderExcluir
  3. Onde encontro com certeza fora de SP?

    ResponderExcluir
  4. parabéns! vou no lançamento :-)

    ResponderExcluir
  5. Ainda não apareceu nas bancas em Porto Alegre - RS, estou ansioso!

    ResponderExcluir
  6. Aliás, Mario, a revista não apareceu ainda no site da Digerati. Achei estranho, me deixou mais ansioso.

    Voce não tem como postar alguma informação sobre a distribuição da revista, quando chegará nas bancas de todo o país?

    Obrigado!

    ResponderExcluir
  7. Gustavo, a revista está no site da Digerati, sim, na seção de compra e assinatura direta:

    https://lojadigerati.assinaja.com/dig/vitrines/detalhes/Detalhe25796.asp

    O website é que não está pronto ainda. E a distribuição também não é instantânea: em SP temos a revista, mas no Nordeste e no Sul ainda não. Isso é normal.

    ResponderExcluir
  8. Obrigado, é que estou ansioso mesmo!

    Comprei online, mesmo pagando 5 reais a mais, aí eu fico menos nervoso!

    abraço.

    ResponderExcluir
  9. mario, depois de uns bons dias com a revista, de tê-la lido com calma, digo mais uma vez parabéns.

    diferente da outra revista voltada para quem captura imagens em pixels, que foi uma vergonha diga se de passagem. acho que ninguém se lembra da finada fotografe digital (irmã torta da fotografe melhor, que tratava o fotógrafo digital como um mané que não tinha grana nem capacidade de usar um dslr), a revista trata seus leitores com respeito e sabendo que agora a fotografia somente mudou de meio, agora a realidade da fotografia é digital. e isso é praticamente irreversível.

    talvez por ser a número 1, ela ainda está com muito conteúdo gringo, mas você e sua equipe conseguiram gerar um bom conteúdo nacional e a tradução está muito boa. agora espero que algumas seções da revista como "Workshop com leitor" tenha logo sua versão tupiniquim. e também disponibilize o canal para quem quiser participar dela entre na fila. ah, eu to nessa fila!!!

    a seção talento com o clicio ficou ótima, e o portfólio com a cia de foto tb, apesar de eu achar que em 2 anos esse estilo de imagem que eles fazem estará tão datado que não vai mais dar para usar para nada. se você for colocar outro coletivo nessa seção, sugiro o garapa (garapa.org) que está fazendo um trabalho bem legal também.

    só achei que talvez pela velocidade que ela deve ter sido finalizada ouve um ou outro errinho de digitação em algumas legendas, mas nada que atrapalhasse o geral.

    agora estou na espero do mês acabar e a número 2 chegar nas bancas!!!

    ResponderExcluir
  10. Muito legal a análise, André, vou copiar na seção de cartas.
    Sobre conteúdo nacional, tenho uma porção de pautas enfileiradas que vão empolgar. É quase como ser um garoto numa loja de doces. O problema agora é ter tempo de lidar com tudo isso. Um ótimo problema, de toda forma.
    O workshop com leitor lá na Inglaterra é patrocinado pela Canon ou Nikon. Aqui não existe nada parecido e decidimos traduzir uma dessas matérias para ver se sensibiliza algum dos possíveis patrocinadores. Instrutores e alunos dispostos a participar nunca vão faltar.
    Pessoalmente sou parcial a favor das DSLR e acho que se a revista ajudar a apresentar os prazeres desse mundo, tanto melhor. Sem esquecer o povo das compactas. E tendo que explicar as coisas a partir de um nível mais básico que na edição original. Mas nunca subestimando a capacidade do leitor.

    ResponderExcluir
  11. Esta revista está mesmo MARAVILHOSA!!!!
    É muito bom ler uma revista com conteúdo estrangeiro, porque tudo que estudamos, lemos e utilizamos em sua prática tem um denominador estrangeiro, já que a amada fotografia não nasceu aqui.
    A postura didática da Digital Photographer Brasil foi o que chamou toda atenção. Quando abri a revista, e vi a riqueza dos detalhes das matérias com os profissionais americanos, pensei “impossível não levar!!!”.
    A matéria especial foi INCRÍVEL! Com riquezas de detalhes de posicionamento de luzes, aproveitamento de luz ambiente, equilíbrio das luzes, processo de criação de imagem, enfim, somou muito!!! Foi muito valiosa a leitura.
    Workshop com o leitor também foi ótimo!!! Com muitos detalhes a matéria ressaltou um conceito da época do filme: “Pense antes de clicar. Acerte na câmera e você terá um fluxo de trabalho eficiente.” Que muitos amadores precisam saber e muitos profissionais esqueceram.
    “Iluminação, parte 1: FLASH DE SAPATA” foi o MÁXIMO também!!!
    A revista ter colocado o site de cada profissional poupou muito do nosso trabalho de pesquisa! Rs...rs...rs...
    Sinceramente, a visão “nacionalista-territorialista” da Fotografe Melhor é sufocante! Há muito tempo deixei de comprá-la. Sinto muito, mas a fotografia é mais do que acontece aqui (Brasil). Muitos de nós deixaram de comprar revistas sobre fotografia para buscar novidades, e “aulas”, e dicas em sites e/ou em vídeos estrangeiros que falam didaticamente sobre a fotografia.
    Foi um alívio e felicidade encontrar a primeira edição da Digital Photographer Brasil!!!!!!!!!!!!!!!
    Espero muito pelas novidades da edição 2!!!!

    Parabéns a todos pelo capricho e qualidade!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  12. Obrigado pelos elogios!

    Eu acho que a postura nacionalista tem seu lugar também; precisamos mesmo divulgar o que temos de bom e particularmente adoro ver os portfólios profissionais na Photo Magazine, por exemplo.

    Mas é fato que, tirando a iluminação e alguns outros equipamentos de estúdio, toda a tecnologia envolvida na fotografia vem pronta de fora, criada por cabeças que não pensam exatamente como as nossas.

    Muita gente no meio ainda está buscando construir pontes entre o know-how dos mestres da era do filme e a atualidade digital, como se fotografar com filme fosse uma disciplina essencialmente diferente. É algo em que simplesmente não acredito. Ou então,como se a fotografia digital ainda fosse uma novidade misteriosa, coisa que também já não é, há pelo menos uma década.

    O Workshop com o leitor que você gostou é algo que eu gostaria de ter o quanto antes um instrutor brasileiro e um patrocinador brasileiro para fazer igual aqui. Os ingleses se dão ao luxo de alternar entre patrocínio da Canon e da Nikon e convidar um instrutor diferente por matéria.

    A outra coisa que me chama atenção nos gringos é a qualidade técnica absurda. Mesmo quando o tema é batido e a abordagem pouco criativa, a imagem arrebenta! Aqui no Brasil a ênfase primária é no olhar e na criatividade, o que não está errado, mas é fácil se contentar com uma imagem tecnicamente fraca só porque a ideia é boa. Nós queremos alcançar um casamento perfeito entre os dois lados.

    O notável fotógrafo Pepe Mélega, no lançamento conjunto da DPBR e do novo livro da Fototech, me disse algo que nunca vou esquecer e que ainda vai sair escrito na revista: "Mais de 80% das melhores fotos são de entusiastas amadores; os profissionais estão muito ocupados ensinando!"

    ResponderExcluir
  13. Não resisti....boa edição, fotos e informações. Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  14. Achei muito boa a 1ª edição! Parabéns. Em relação aos testes, vcs estão com idéia de testarem alguma Panasonic da nova série ZS (ZS3, por ex)?

    ResponderExcluir
  15. Adriano, no final do ano passado (antes de licenciarmos a DPBR) eu pessoalmente fiz um teste da ZS3 que saiu na revista Mac+. O Miranda, editor da Mac+, acabou comprando uma dessa série para ele.
    A lente zoom dela é bem legal e a ergonomia excelente como é o costume nas Panasonic. Acho que o sensor é o mesmo das FX e FZ: muito ruidoso, só funciona bem mesmo com luz boa de dia, mas as cores são perfeitas e o processamento do JPEG muito bem acertado.
    É uma compacta muito conveniente de usar e seria uma de minhas escolhas para fazer companhia à reflex, para usar naquelas ocasiões em que preciso fotos sem chamar a atenção.

    ResponderExcluir
  16. Realmente adorei a revista, estou aprendendo muita coisa com ela mas quero fazer uma pergunta. Ela é mensal ou trimestral pois ainda não saiu a numero 2.
    Luiz Carlos.

    ResponderExcluir
  17. Nem mensal nem trimestral. Bimestral. A próxima sai em junho.

    ResponderExcluir